“o caminho faz-se caminhando”

 

Excerto do artigo de António Alves, no Diário As Beiras, sobre a sessão da Assembleia Municipal de Coimbra.

“Mais contudentes foram as palavras de José António Bandeirinha (Cidadãos Por Coimbra) para quem Coimbra tem vindo a ser despromovida do seu lugar. Uma atitude que tem uma base “económica, sem dúvida, mas é também de ordem cultural e, sobretudo, política”, afirmou.

O arquitecto perguntou ao presidente como pensa “enfrentar este estado de coisas” e qual a estratégia para “enfrentar esta situação confrangedora”. Sobre o futuro, pediu a manuel Machado que faça tudo relativamente a projectos estratégicos. E citou exemplos. “Coimbra iParque, Centro de Congressos, qualificação dos espaços públicos da zona central”.

Em resposta, Manuel Machado citou António Machado: “o caminho faz-se caminhando”

 

O texto integral da intervenção de José António Bandeirinha está disponível aqui.

 

Anúncios

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s